Feeds:
Posts
Comentários

Archive for março \12\UTC 2010

Episódio 1

Música no volume mais alto. Professora e aluna posicionadas. Braço direito, braço esquerdo, gira o corpo, levanta a perna, perna pro alto, de novo, cabeça pra esquerda, cabeça pra direita, e assim a coreografia se formava. Passos de dança que só podiam ser feitos quando Ana, a aluna, saltasse de um avião. Isso mesmo. As duas treinavam em pé, sentadas, deitadas, até a coreografia se fixar na mente e Ana tomar coragem de cumprir com o seu dever: pular de um avião com mercadorias roubadas. Estranho? Mas era assim que ganhava a vida. Passaram-se dias de treinamento até que Ana conseguiu finalizar seu objetivo. Saltou e dançou ao mesmo tempo, entregou as mercadorias e…. pegou sua bicicleta, seu principal meio de transporte e seguiu pelas ruas esburacadas e sujas da cidade.

A bicicleta de Ana tinha cerca de 2 metros de altura e apenas uma roda. Lembrava até aquelas de circo. Porém, além de ter que se manter equilibrada em cima do veículo, que por sinal, era movido à gasolina, Ana prendia a coleira de seu cachorro no guidon direito e tinha que tomar todo o cuidado pra não atropelar o bichinho, que, na maioria das vezes, não conseguia acompanhar os movimentos da dona. Como era nova na cidade, ainda se confundia no caminho até sua casa, mas, incrivelmente, mesmo depois de voltas e mais voltas, encontrava a direção. No entanto, neste dia, entre subidas, descidas e inúmeras curvas, Ana se viu em uma estrada de barro, num bairro habitado somente por animais, e não por pessoas. Ela havia se perdido mais do que o normal e a gasolina da bicicleta, que não é eterna, terminou. Entre o verde, o cheiro do verde e os sons selvagens, sem nenhum posto de abastecimento por perto, ela…

… “Anaaaaaaaaa, acorda! ”

Anúncios

Read Full Post »