Feeds:
Posts
Comentários

Archive for abril \29\UTC 2010

Post em divulgação da ONG Sonhar Acordado, que, em breve, farei parte.


“O Sonhar Acordado é fruto da iniciativa de um grupo de jovens de Monterrey, no México, que desejava fazer algo pelo próximo que fosse interessante e envolvesse de forma mais efetiva a juventude. Com o objetivo de agregar pessoas dispostas a fazer o bem, criar elos de responsabilidade social e ajudar na formação e no desenvolvimento de uma nova sociedade em benefício da infância de crianças de baixa renda, nasceu, em 1998, o Sonhar Acordado.

O Sonhar Acordado é uma organização internacional, sem fins lucrativos, baseada essencialmente no voluntariado jovem, independente da religião ou afiliação política. Somos um grupo de jovens, estudantes e profissionais das mais diversas áreas, que buscam dar o melhor de si, para alcançar o desenvolvimento da sociedade por meio de ações positivas no âmbito cultural, socioambiental, recreativo e esportivo.”

No dia 19 de Junho, às 8:30h, vamos realizar o Dia do Sonho 2010 no Parque Terra Encantada, na Barra da Tijuca. Porém, esse grande sonho só é possível com a ajuda dos voluntários, dos nossos líderes sonhadores. Para participar deste evento, você só precisa fazer parte de um grupo de líderes que será formado em diversas datas (dispostas logo abaixo). E você será um dos responsáveis por colocar  sorrisos nos rostos de centenas de crianças.

Tais formações de grupos acontecerão na sede da ONG, localizada na Rua Mary Pessoa, 274 – Gávea. Veja abaixo todas as datas disponíveis e escolha uma para formar seu grupo:

1ª Formação – Sábado, 01/05, Gávea, 16h.
2ª Formação – Quarta-feira, 05/05, Gávea, 19:30.
3ª Formação – Sábado, 08/05, Gávea, 16h.
4ª Formação – Terça-feira, 11/05, Gávea, 19:30.
5ª Formação – Sábado, 15/05, Gávea, 16h.


Para mais informações sobre a ONG Sonhar Acordado, visite o site.
Obs: A parte sobre o Rio de Janeiro ainda não está no ar. Quem quiser, pode se informar comigo.

Anúncios

Read Full Post »

Não sei se só eu não tinha visto isso ainda, mas isso é muito bom e quem teve a ideia foi a Jung von Matt!

O 13ème rue é um canal de filmes de terror, horror e crimes, como eles mesmos se auto denominam. Recentemente na Alemanha, foi lançada uma campanha genial do canal, que mergulha os espectadores no meio da ação interativa.

Eu não vou traduzir tudo o que o narrador do vídeo fala, mas é basicamente como a figura abaixo explica:

Por meio de um software, um número de celular que pertence a algum espectador do filme “Last Call” é escolhido
e quando a protagonista do filme precisa fugir do assassino, quem tem o poder de a guiar da forma que bem entender é quem recebeu o telefonema. O objetivo então, é fazer um filme diferente em cada telefonema. Muito bom. Só vendo o vídeo pra entender melhor:

Uma outra ação bem legal que o canal realizou foi a de “matar um amigo”. hahhaha Se quiser cometer este ato criminoso de forma divertida, clique AQUI.

Read Full Post »

Na minha opinião, sempre as melhores propagandas são da WWF, pelo menos no setor em que ela atende.

E fica uma dica: 1º Concurso de Foto e Vídeo Olhares sobre a Água e o Clima, promovido pelo WWF-Brasil, Agência Nacional de Águas (ANA) e o grupo HSBC.  Vale uma viagem para Bonito (MS)! Ao olhar o site, vi que as fotos estão praticamente iguais. Muitas flores, cachoeiras, praias. Belezas naturais já não são óbvias demais? Seria melhor retratar algo que defina melhor o contexto atual da degradação do meio ambiente. Concordam?  Quem se interessar acesse o site do concurso.

Read Full Post »

Episódio 3

Era bicho, não era gente. Bicho parecido com um Pokémon. “Temos que pegar, temos que pegar…” E as gentes pensavam que tinham mesmo que pegar. Armados e em helicópteros barulhentos, as gentes só queriam isso.

Bicho meio Pokémon, meio onça. Bicho que corria para se salvar das gentes. Bicho que era Ana. Ana que era bicho. Que saía pela floresta em busca de esconderijo, pois não sabia se defender, só correr, só se esconder. Atrás dos outros bichos, fugia do barulho das hélices e das pólvoras que se instauravam nos miolos alheios. Corria, corria, corria. Achou o buraco de uma árvore e ali ficou. O bicho dormiu. O bicho acordou, gente! O bicho acordou gente. Como num passe de mágica. Ninguém sabe, ninguém viu. Precisava sair dali e buscar a liberdade.

Com a ajuda dos macacos que se camuflavam nos troncos das árvores imperiais da floresta, bicho que virou gente, que sempre foi Ana, subiu rapidamente em uma dessas árvores e resolveu deitar em suas folhas longas e verdes. Por enquanto, como o dia ainda nem tinha raiado e as gentes ainda não levantavam de profundos sonos, Ana, surpresa e feliz por ter virado gente, mas gente boa, começou a assoviar uma tranquilizante melodia, encarnando uma das princesas dos desenhos animados da Disney.

Formigas, que habitavam aquela mesma folha em que Ana deitou-se, despertaram. Algumas formaram uma generosa platéia para ouvir o som afinado da voz de Ana. Outras muniram-se de mini-instrumentos musicais e foram orquestradas pelas leves mãos da pequena gente.

________________________________

E, ainda faltando cerca de dez minutos para a irritante música do despertador tocar, e sem ninguém precisar chamá-la e gritar seu nome, com um meio sorriso no rosto, Anacordou bem e de bem.

Read Full Post »

Desvendei para a chilena Mônica e uma amiga de infância, após um agradável dia pelas ruas cariocas, que um dos meus sonhos de mochileira era conhecer o Deserto do Atacama, ao norte do Chile. E soube, inacreditavelmente, que em certas épocas surgem flores e mais flores no deserto. Mais de 200 tipos delas. É o chamado milagre do deserto florido.

Na verdade, depois de breve pesquisa em alguns sites, soube que a paisagem mais árida do mundo recebe a visita das flores uma vez por ano, mas não são muitas. Uma ou outra, aqui e ali.

Entretanto, o “milagre” pode surgir após a queda de chuvas (obviamente, raras em um deserto) que fazem as tantas sementes adormecidas embaixo da terra seca, acordarem. E isso só é possível de se ver entre as cidades de Copiapó e Vallenar.

Deserto do Atacama florido

Então, quando souberem que há um mundo de flores no deserto, corram pra vê-las. Eu correrei, só espero que nenhum terremoto atinja o Chile quando isto acontecer. Ah! E o fenômeno não ocorre apenas no Chile, quando as chuvas de inverno não falham, regiões secas em diversas partes do mundo viram verdadeiros jardins.

Deserto africano

Read Full Post »

Episódio 2

Um balão amarelo e vermelho. Vermelho e amarelo e listrado. Ana tinha suas mãos amarradas a uma corda, como se estivesse guiando cavalos numa carroça, mas estava sendo puxada pelo balão e estava voando. Voando… flutuando em céus azuis.

Enquanto voava, Ana, delirantemente feliz, e seu balão, batiam em gigantes Ipês regados de flores brancas em plena primavera. E ali, bem abaixo de seus pés suspensos, conduzida pelos suaves ventos que reinavam, admirava com olhos apaixonados, as cores, as plumas e os brilhos dos vistosos carros alegóricos e das fantasias do carnaval que durava toda aquela estação.

A viagem que já se estendia por quatro horas, só teve fim quando o balão cruzou com uma nuvem pontuda, responsável por fazer um imenso furo em suas listras, caindo assim, vagarosamente, sobre a cabeça da menina, tampando sua visão.

Quando Ana conseguiu se livrar de todo o pano que a cobria, percebeu que ainda estava em céus azuis, mas não mais amarrada às cordas do balão, e sim, sem saber como, enroscada pelos pés em uma grossa e pesada gota de chuva que ameaçava cair e estragar a festa carnavalesca mais linda que a sua imaginação poderia criar.

______________________

“Acorda, Ana, acorda… já passa da hora, já passa da hora.”

Read Full Post »